UM LUGAR SILENCIOSO – A Quiet Place

Cartaz do filme UM LUGAR SILENCIOSO – A Quiet Place

Opinião

A ideia é muito boa: o mundo acabou, o apocalipse está instalado e não sobrou quase ninguém vivo. Quem sobreviveu entendeu que precisa ficar em silêncio: os monstros que dominam o mundo agora têm ouvidos ultrassensíveis e atacam quem fizer barulho. Qualquer barulho. Então, em Um Lugar Silencioso, ganha o jogo quem não abrir a boca.

Uma família sobrevive, monta um bunker e tenta encontrar uma maneira de mapear o local, comunicar-se pela língua dos sinais e, assim, driblar os monstros – que atacam implacavelmente. O casal formado por Emily Blunt (também em A Garota no Trem, Sicario: Terra de Ninguém) e John Krasinsky (casados também na vida real) têm três filhos e são os únicos que ficaram vivos – por enquanto.

Passado em silêncio, obviamente, o filme é pra quem gosta de susto e estratégia – é preciso inteligência, também emocional, pra lidar com a situação. Krasinsky (também em Por Uma Vida Melhor) também dirige o longa e consegue imprimir um ritmo de suspense interessante para o gênero – que é auto-explicativo, claro, no bom estilo de matar-ou-morrer.

 

Trailers

Comentários