cinegarimpo
DEPOIS DO CASAMENTO – After the Weeding
CLASSIFICAÇÃO: Para se Emocionar, Dinamarca - 07/07/2010

DIREÇÃO: Susanne Bier

ROTEIRO: Anders Thomas Jensen

ELENCO: Mads Mikkelsen, Rolf Lassgård, Sidse Babett Knudsen, Stine Fischer Christensen , Mona Malm

Dinamarca, Suécia, 2006 (120 min)

Há dois pontos importantes e marcantes em Depois do Casamento. Um deles é o contraste abordado pelo enredo: enquanto a Índia é pobre, quente, sem recursos e fica à mercê da vontade alheia, a Dinamarca é fria (também no trato pessoal), rica e dá as cartas do jogo. No aspecto sociocultural, essa realidade é exposta de uma forma muito interessante e inteligente, com objetividade e sem vitimização. Fiquei com essa sensação do abismo entre elas, como metáfora para tantos que há no mundo.

O outro ponto é a maneira de filmar a trama emocional. Literalmente, é depois do casamento que tudo muda de figura. Toda a emoção vem à tona a partir desse momento. E não são poucas coisas: Jacob Petersen (Mads Mikkelsen) mora na Índia, onde dirige um projeto social, mas precisa de dinheiro para não deixar as crianças na rua; recebe uma proposta de investimento de um milionário dinamarquês, mas precisa ir à Copenhagen fechar o acordo; vai ao casamento da filha desse investidor e sua vida já não é mais a mesma. A história é dinâmica, vale a pena acompanhar passo a passo. Mostrar isso sem que pareça clichê, até na produção visual, é o grande diferencial. A câmera se aproxima de uma maneira tão intensa do olhar, do rosto, das mãos, das sensações dos personagens que é possível sentir com eles a aflição do momento, a angústia das descobertas.

Depois do Casamento foi nomeado para o Oscar de melhor filme estrangeiro. Perdeu para A Vida dos Outros, que realmente é maravilhoso. Mas mereceu a nomeação – os personagens são muito realísticos, suas emoções estão à flor da pele e você fica preso até o final.

COMPARTILHE: TAGS:  

Envie uma Opinião

CATEGORIAS

INSCREVA-SE PARA RECEBER NOSSA NEWSLETTER

Você também pode assinar listas específicas:

 

 

FALE COMIGO HISTÓRIA DO BLOG